Um procedimento simples como cadastrar no Pix as suas chaves pode facilitar a sua vida financeira, permitindo transações sete dias por semana na palma da mão. Isso porque uma das maiores facilidades quando o assunto são operações bancárias é o recentemente lançado Pix. Com ele, transações entre bancos estão ao alcance das mãos e, além disso, se tornaram isentas de qualquer custo.

O serviço funciona a partir de chaves cadastradas. Entre elas, é possível usar o seu CPF, o seu número de telefone, o seu e-mail ou escolher uma chave aleatória para uso com QR Code. Assim, não é necessário passar ou receber um monte de números, de agência bancária, conta corrente e CPF do destinatário de uma transferência quando de outro banco.

Porém, apesar da facilidade, a vantagem mais latente é o fato de ele poder ser utilizado em qualquer dia da semana ou horário. Tradicionalmente, os TEDs e DOCs são rescritos a dias úteis e horários bancários. O Pix, por outro lado, pode ser realizado a qualquer tempo, mesmo em finais de semana, feriados, ou durante a noite.

E, claro, o que mais chama a atenção em relação às operações entre bancos distintos é o fato de ele ser gratuito. Assim, o usuário se libera dos valores adicionais sempre presentes em TEDs e DOCs, os quais, apesar de não serem muito altos, podem ter impacto significativo para quem faz muitas transferências.

Para desfrutar dessa vantagem, a única coisa que você precisa saber é como cadastrar no Pix. E, vale dizer, o procedimento é muito simples, sendo realizado pelo celular com uns poucos cliques.

Leia mais: Internet residencial: qual o plano ideal para casa?

REDES SOCIAIS LIBERADAS PARA SEU CELULAR? NA TIM TEM!

O que é o Pix

O Pix é o novo sistema de transferências e pagamentos para serviços bancários. Seja qual for o seu banco, os mais tradicionais ou as inovadoras fintechs (como Nubank, Inter, C6 Bank, entre outros), as quais operam integralmente via aplicativo, você tem acesso ao serviço no seu app do banco.

📲A internet do seu celular acaba rápido?

Venha para a TIM e navegue à vontade!

Esse novo modelo surge com a finalidade de substituir os tradicionais TED e DOC, os quais funcionam para quem quer transferir dinheiro a uma conta de outra instituição financeira.

  • TED: serve sem limitação de valor, podendo ser realizada até 16h30 ou 17h do mesmo dia, ou, se depois, para ser compensado no dia seguinte;
  • DOC: serve para transferências entre bancos com valores de até R$ 4.999, sendo que o valor é transferido em até 1 dia útil quando realizado até 22h, ou em 2 dias úteis quando depois desse horário.

O Pix chega como uma alternativa a esses modelos já consolidados, porém conta com algumas limitações. O Banco do Brasil, por exemplo, permite a transferência de até R$1.000 diários como padrão, sendo que os limites para a operação podem ser ajustados, a depender do caso. Ou seja, via de regra, o serviço funciona como uma alternativa, mas pode não alcançar todos os tipos de transferência.

Então, o serviço ser adequado para você dependerá de quantas transações você pretenda realizar diariamente.

Como funciona o Pix

O Pix, em suma, é um serviço de pagamentos e transferências bancárias lançado em novembro de 2020 para o público em geral. Seu grande objetivo é integrar todos os bancos, tanto os tradicionais quanto as fintechs, numa única atividade transacional, a qual funciona de maneira automática (ou quase, são até 10 segundos para uma transferência ser realizada) e é (quase totalmente) isenta de custo.

Entre palavras bonitas e nomenclaturas da área bancária, pode ser que o espírito da coisa tenha passado despercebido ou, ainda, mantido a desconfiança em quem vê um novo sistema sendo implantado. Além disso, tudo aquilo que envolve nosso dinheiro merece ser avaliado com ponderação, certo?

Por isso, a fim de esclarecer esses pontos de maneira objetiva, preparamos um resumo:

Vantagens de cadastrar no Pix

  • Transferências para qualquer banco
    Foi-se o tempo em que você precisava ir até a boca do caixa depositar dinheiro na conta de alguém somente porque essa pessoa usa um banco diferente do seu. Com o Pix, você realiza transferências rapidamente a partir do app do seu banco presente em seu celular.
  • Transferências a qualquer hora
    Sabe quando você usa aquela palavra “compensar” para avisar a alguém que o dinheiro vai cair no dia seguinte, na data do pagamento agendado do boleto, no próximo dia útil? Pois saiba que essa palavra tem grandes chances de cair em desuso profundo.
    Como o Pix realiza suas transferências ou pagamentos em até 10 segundos, todas suas operações bancárias podem ser verificadas com rapidez. E não importa o dia: 24h por dia, 7 dias por semana, 4 semanas por mês, 12 meses por ano… ele funciona sempre, sem exceção!
  • Custo zero
    Não é verdade que o Pix não tenha custo, mas é preciso entender um pouquinho mais sobre isso. Para você que é cliente do banco, o Pix não tem custo mesmo! Ou seja, você pode usá-lo irrestritamente que nada te será cobrado.
    Para a instituição financeira, porém, a coisa muda de figura, e o impacto recai sobre ela: a cada 10 transações realizadas, ela pagará taxas que começam em 1 centavo.
  • As informações para operações são facilitadas
    Sabe quando você precisa entregar, além de Banco, agência e conta corrente, o seu CPF para que pessoas possam te transferir dinheiro? Com o Pix, esse repasse de seus dados pessoais não existe mais.
    Apesar de CPF ser uma das chaves válidas, você pode cadastrar seu número de celular, por exemplo. Desse modo, para que uma pessoa te encontre como destinatário bancário, basta que ela insira na operação Pix o seu telefone.

Como cadastrar no Pix

Via de regra, os aplicativos de instituições financeiras variadas contará com os mesmos passos para que você cadastre suas chaves e esteja habilitado a fazer uso do serviço. No nosso caso, o tutorial foi realizado dentro do aplicativo do C6 Bank, o banco digital parceiro da TIM que garante vantagens para os clientes da operadora.

Se você usar outro banco, porém, basta encontrar as entradas (os botões) com os mesmos dizeres ou outros similares, pois não há divergência nesse sentido. A exceção fica por conta do Santander, que chama a sua operação de Santander SX. Contudo, nada há de diferente.

1Passo 1: Acesse o aplicativo do seu banco;

cadastrar pix

2Passo 2: Selecione a entrada Pix;

3Passo 3: Clique no botão Cadastrar chaves Pix;

cadastrar chave pix

4Passo 4: Escolha a sua chave e a insira na entrada devida (no nosso caso, o e-mail foi selecionado). Depois, aperte o botão cadastrar (e insira sua senha transacional, pois ela será solicitada);

5Passo 5: Aguarde a confirmação da operação de cadastramento.

Pronto, agora você já estará habilitado a usar o Pix. Esteja atento, porém, às chaves que você cadastra.

❌Chega de ficar sem internet!

Na TIM, você navega à vontade e dispõe de uma série de benefícios exclusivos.

Como funcionam as chaves Pix

A chave Pix funciona como um direcionamento para uma determinada conta bancária. Por isso, apesar de você poder cadastrar várias em um mesmo banco, tenha em mente que, caso você seja cliente de mais de uma instituição, o melhor que pode fazer é distribuí-las de uma maneira adequada.

Ou seja, designe para cada banco uma chave em particular, entre número de celular, CPF, e-mail ou chave aleatória. Desse modo, sempre que você quiser receber uma transferência em um determinado banco, pode passar a chave desse banco.

Mais ou menos assim: seu banco 1 fica com a chave X, seu banco 2, com a chave Y, e por aí vai. Logo, quando você quiser receber no banco 1, basta informar X. Quando o quiser no banco 2, a chave Y. Sacou a jogada?

Agora basta desfrutar do Pix!

Agora que você já conhece o serviço e sabe como cadastrar no Pix as suas chaves, não precisa mais ficar refém das operações mais tradicionais, as quais são sabidamente mais complicadas de serem realizadas. Além disso, pode economizar com ele, tudo em passos simples, realizados no seu próprio telefone. Tudo de bom, sim? Bora lá!

Leia mais: Como fazer vídeo no Tik Tok? Veja dicas para viralizar na rede!

GARANTA AQUI SUA MELHOR OPÇÃO DE INTERNET MÓVEL

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente, pois você merece estar sempre bem informado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui