O mundo dos negócios está constantemente sendo reformulado a partir da popularização redes sociais. O potencial delas se tornou um atrativo o suficiente para tornar obsoletos certos modelos de divulgação de marcas consolidados até o início do milênio. Nesse sentido, saber como criar uma loja no Instagram pode dar um upgrade no seu empreendimento.

Para evidenciar esse posicionamento, alguns dados são bem interessantes. Quer ver? Sabia que 68% dos usuários dessa rede social se engajam regularmente com perfis de marcas ou produtos? Quando falamos engajamento, significa que eles interagem, curtem, compartilham ou comentam nas publicações realizadas. E todas as principais marcas do momento (do mundo, provavelmente) estão por lá com perfis bem elaborados.

Segundo um estudo realizado pelo Facebook IQ, ainda em 2018, 130 milhões de pessoas estavam acessando as publicações de compras mensalmente na plataforma. Quando pensamos que o Instagram conta com nada menos do que um bilhão de contas ativas, é possível dimensionar o tamanho do potencial que ele promove.

O diferencial para esse tipo de atuação foi a criação do recurso de compras em 2017. Com ele, tornou-se facilitado o acesso dos usuários a produtos comercializados por marcas e empresas presentes na rede social. Ainda que não seja possível finalizar a transação por lá, promover a interação das partes já é um passo e tanto.

Tendo a certeza de que já te convencemos a seguir esse caminho (porque se trata de uma oportunidade e tanto a ser aproveitada), saiba a partir de agora como criar uma loja no Instagram com um passo a passo simples. Depois, tenha dicas de como ser bem-sucedido nesse tipo de front comercial!

Leia mais: Como acessar o backup do Google Fotos? Veja como usar o app!

QUER REDES SOCIAIS LIBERADAS PARA SEU CELULAR? AQUI NA TIM TEM!

Como são as lojas no Instagram

O mercado de e-commerce não para de crescer. Por isso, cada vez mais encontramos lugares onde produtos estão anunciados e podem ser adquiridos ou, pelo menos, acertados na internet. Nesse sentido, o Instagram é uma excelente ferramenta de negócios.

Apesar de não ser um marketplace tradicional, a rede social faz um estrago quando o assunto é promover engajamento. Ou seja, o cliente não pode finalizar uma transação por lá, mas pode entrar em contato com o vendedor para acertar seus detalhes de compra, envio, entrega, pagamento, e por aí vai.

O legal é que aparentemente o Instagram, a rede social queridinha dos brasileiros, voltou-se para uma vitrine virtual digna do feed da rede social. Os usuários da plataforma têm uma dedicação tremenda para que suas imagens se destaquem na multidão. Do mesmo modo, as publicações de marcas e negócios seguem o mesmo modelo, volvendo-se em verdadeiras obras de arte.

Um aspecto legal é que uma única imagem pode comportar até 5 produtos em si. Ou seja, você pode visualizar cinco objetos marcados como para venda e ter uma ideia de como ele se comporta ao lado de outros. Ou seja, para a composição de looks, por exemplo, o todo auxilia na interpretação das partes. Será que uma determinada calça combina com uma determinada blusa? Dá pra ver na foto!

Leia mais: TIM Instagram ilimitado: conheça os planos com o app liberado!

Como criar uma loja no Instagram

Para que você tenha uma loja no Instagram é preciso que você siga alguns passos. Vale dizer que nada é difícil, mas eles precisam ser seguidos à risca, sob pena de fracasso.

Requisitos para ter uma loja

  1. Possuir um perfil comercial (é possível transformar seu perfil pessoal num perfil de negócios).
  2. Utilizar a última versão do Instagram.
  3. Administrar uma página do Facebook ou possuir uma conta no Gerenciador de Negócios do Facebook.
  4. Possuir loja na plataforma do Facebook ou catálogo de produtos no Gerenciador de Negócios (item 3).
  5. Gerir empresa que venda bens materiais e esteja inserida nos mercados permitidos pela plataforma.
  6. Aceitar políticas comerciais do Instagram.

Vinculando sua loja no Instagram à página do Facebook

Além dos requisitos, é preciso que você faça a vinculação da sua loja no Instagram
à sua página do Facebook. Para realizar o procedimento, faça o seguinte:

  1. Vá até seu perfil, selecione Editar perfil e escolha a entrada Página nas informações do negócio.
  2. Selecione a página do Face que vai ser vinculada ao perfil, a qual deve condizer com seu negócio.
  3. Configure a conta comercial, atribuindo a ela as informações relevantes, como telefone, endereço, email.

Importando o catálogo do Facebook

Esse passo do procedimento todo é o mais complexo. Ele pode ser realizado de três maneiras, mas, em suma, você deve fazer o seguinte: vincular a sua loja no Instagram a um catálogo de produtos disponibilizados no Facebook, por meio de um tipo de importação.

  1. Criar um catálogo a partir da sua fanpage
    Para iniciar o seu catálogo direto por uma fanpage, é preciso ter uma loja ativa no Facebook com produtos publicados.
  2. Crie um catálogo a partir do Gerenciador de Negócios do Facebook
    Esse recurso oferece um guia bem intuitivo para que você crie um catálogo de produtos facilmente.
  3. Crie um catálogo por meio de parceiros
    É possível alimentar seu catálogo a partir de plataformas de e-commerce, tais como Shopify ou NuvemShop.

Depois de realizado todo o processo, é preciso que você faça cadastro no Instagram a partir da entrada chamada Empresa e Compras no Instagram. O processo não é automático, levando alguns dias para ser concluído. Por isso, é bom fazer o quanto antes para minimizar a espera.

Quando tudo estiver pronto, a própria rede social te manda uma mensagem informando que o procedimento foi bem-sucedido e está concluído. Ou seja, que você já pode vender seus produtos ou serviços por lá!

Ah, e vale lembrar que somente depois de 9 produtos serem marcados é que sua loja estará ativa, ok? Por isso, é bom ter um catálogo já preparado, porque, do contrário, ela demorará a entrar no ar!

Leia mais: Como enviar mensagens no Instagram pelo PC

Como fazer sucesso no Instagram

Se você deseja ser bem-sucedido na arte de vender nas redes sociais, saber como criar uma loja no Instagram é importante, mas mais importante ainda é você saber como promovê-la. Por isso, preparamos algumas dicas que podem impulsionar o engajamento dos adeptos da sua marca e a consequente conversão em vendas!

  1. Utilize #hashtags
    São o meio mais fácil e rápido para seus produtos serem encontrados.
  2. Marque vários produtos em cada imagem
    Quanto maior o número de marcações, mais o seu potencial comprador tem estímulo, podendo ter interesse por mais itens em uma compra.
  3. Fotos dignas de Instagram
    No Instagram, não há espaço para fotos capengas, hein? Sobretudo, se você tiver diversos produtos numa mesma imagem. Por isso, é importante ter um bom celular para alcançar um bom resultado final: capriche na imagem e na sua qualidade!
  4. Legendas elaboradas
    Estimular uma conversão de visualização em venda é uma tarefa para dois personagens: foto e legenda. Não deixe que essa seja de menor importância. Faça uma bem criativa para cada imagem.
  5. Aprenda a usar o Instagram Insights
    A própria plataforma disponibiliza uma ferramenta poderosa de análise de dados, a qual te mantém informado sobre desempenho em cada imagem, com estatísticas sobre curtidas, visualizações, comentários. Os dados podem te dizer onde melhorar e o que está dando certo.

Quer uma dica?

Compre um bom telefone, com um bom conjunto fotográfico! O principal do Instagram são as imagens, então tenha à disposição uma ferramenta capaz de extrair aquilo que há de melhor nos seus modelos, mesmo que eles sejam pratos de comida, objetos inanimados ou fotos de serviço prestado.

Uma boa imagem vale mais do que mil flyers entregues numa sinaleira, já diria o melhor marqueteiro digital!

Leia mais: TIM Internet: conheça as facilidades para quem ama ficar online

GARANTA AQUI SUA MELHOR OPÇÃO DE INTERNET MÓVEL

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente, pois você merece estar sempre bem informado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui