As redes sociais funcionam como impulsionadores de empreendimentos de pequeno e médio porte, pois dão visibilidade a uma clientela sem fronteiras e custam relativamente menos do que meios publicitários tradicionais. Tendo isso em conta, o Facebook se torna potencialmente um grande mecanismo de divulgação de marcas, sobretudo por conta do número de adeptos com que conta. Quer saber como? Acompanhe esse post.

Para você ter uma ideia, na última estimativa, realizada no início de 2020, o Facebook alcançou 3 bilhões de usuários ativos no mundo. No Brasil, conta com 120 milhões de usuários ativos, o que evidencia a sua dimensão, apesar de o índice Datafolha ter indicado uma tendência de queda ainda em 2019. Fato é que, quando avaliados os números, a possibilidade de atingir possíveis clientes são inestimáveis.

Justamente por isso, há ferramentas como o Facebook Pay, a solução que permite pagamentos em seu marketplace e em junho de 2020 começou a ser disponibilizada para o WhatsApp. Porém, essa ferramenta ainda parece ser desconhecida, o que acaba fazendo o Facebook ser identificado como um canal de marketing ou um marketplace no qual não é possível chegar aos finalmentes.

Em tempos de pandemia, no qual empresas e negócios precisam se reinventar para sobreviver, o Facebook pode ser uma alternativa ou, inclusive, uma salvação. Não esqueça de contar também com um bom plano da TIM. Confira todos os detalhes.

REDES SOCIAIS LIBERADAS IMPULSIONAM SEU NEGÓCIO? E NA TIM TEM!

Leia mais: Conheça as 10 melhores profissões home office para trabalhar em casa!

Por que o Facebook pode impulsionar suas vendas?

A resposta para essa pergunta já foi respondida em parte na introdução, mas vale a pena ratificar certos aspectos. Primeiro, a quantidade de usuários do Facebook é imensa. Como dissemos, a plataforma quebrou a marca de 3 bilhões de usuários recentemente, sendo que 120 milhões deles estão aqui no Brasil. Contudo, é bom ponderar que não dá pra alcançar todo esse público.

Como é de se imaginar, para se sair bem nesse tipo de divulgação de marcas e produtos, o empreendimento precisa prospectar clientes, e não somente esperar que eles venham até ele. Nesse sentido, a melhor forma de ser visto nas redes sociais é sendo ativo nelas, alimentando suas pages com conteúdo atrativo para seus potenciais compradores, mesmo que somente publicitários.

Por isso, o marketing em redes sociais geralmente precisa de um profissional qualificado para tal tarefa, o redator de conteúdo.

Depois, outro aspecto bom do Facebook é que nele você pode fazer publicidade gratuitamente, o que pode ajudar as finanças do seu negócio num primeiro momento, exigindo somente dedicação para a criação da mensagem a ser passada.

Apesar disso, há quem prefira anúncios pagos, que alcançam um número maior de usuários, selecionados pelo algoritmo da própria plataforma.

O Facebook para empresas: uma ferramenta dedicada

Você já deve ter percebido que quando encontra negócios na plataforma suas páginas têm um layout e informações diferentes em relação às páginas pessoais, certo? Essa é uma ferramenta chamada Facebook Empresas.

Trata-se da versão empresarial da rede social, depois de ser percebido que empreendedores necessitavam de uma dedicação especial a suas páginas criadas por lá, tamanha a sua quantidade.

Para criar uma página para o seu empreendimento, basta entrar no Facebook Empresas e selecionar Negócio ou Marca.

facebook empresas

Daí em diante, basta que você preencha algumas entradas com as informações do seu negócio, carregue as fotos que quer como perfil e capa, e sua página empresarial estará pronta.

Uma vantagem desse tipo de perfil é que ele permite que o usuário faça uso marketplace do Facebook. Trata-se de um mercado virtual que permite que compradores e vendedores se encontrem, agilizando uma relação de consumo que talvez não acontecesse em outro formato.

Ademais, o Facebook Pay funciona como ferramenta de pagamentos da própria plataforma, o que garante segurança digital ao comprador, porque ninguém coloca cartão em página suspeita.

Criando a loja

Para criar a sua loja, são apenas alguns passos simples. Vá às Configurações da sua página comercial, entre em Modelos e Guias, depois clique na entrada Modelo Atual e ative a Loja. Desse modo, você poderá cadastrar seus produtos, mostrá-los a seu público-alvo e vendê-los por ali, inclusive recebendo os pagamentos pelo próprio Facebook.

Se você quer fazer uso da rede social para divulgar seus produtos e serviços, não deixe de criar uma página desse tipo. Além de disponibilizar informações de maneira mais facilitada, ela permitirá que você receba comentários de outros consumidores e avaliações, o que contribui para a credibilidade da sua marca.

Dicas para ter boas vendas

Para impulsionar suas vendas, algumas dicas de quem é expert no assunto podem te ajudar. É claro que, se você não entender tudo o que está sendo dito, nada impede que você siga com a sua lojinha navegando aos sete mares sem que um profissional seja contratado para esse tipo de empreitada.

Porém, alguns conhecimentos mínimos são de grande valia para quem não tem uma equipe de marketing por trás do negócio.

  1. Conheça seu público-alvo para saber suas inclinações.
  2. Invista em comunicação próxima desse público para atraí-lo.
  3. Promova seus produtos com a funcionalidade “promover”.
  4. Tente acompanhar as métricas para criar campanhas direcionadas.

A ferramenta para empresas proporcionada para você é um prato cheio para fazer com que muitas das suas tarefas relacionadas digitalmente à sua empresa sejam centralizadas em um único lugar.

Por exemplo, o Facebook Inc, como dono do WhatsApp, permite que você agregue à pagina uma ferramenta para vinculação do próprio mensageiro na sua modalidade Business, também dedicada aos negócios.

Vale dizer também que o próprio WhatsApp é uma ferramenta de grande potencialidade para impulsionar as vendas de quem se dedica a trabalhar com ele, assim como o Instagram também o é.

Todas essas redes sociais pertencem ao Facebook, então a integração entre elas é naturalmente uma vantagem para suas tarefas empresariais na rede.

O que não pode faltar para vender no Facebook

Para fazer muitas vendas no Facebook, você já sabe o que não pode faltar, não é? Um plano de celular que tenha a rede social liberada. Nesse sentido, a TIM preparou planos dedicados exclusivamente a esse perfil. Indo além, inclusive, e liberando todas as principais redes sociais do país.

TIM Controle Redes Sociais, com Facebook liberado

O TIM Controle Redes Sociais é uma excelente alternativa para quem quer ter acesso às redes sociais gastando pouco e tendo muitos benefícios. São apenas R$64,99 mensais para ter até 9GB de internet.

Porém, as redes não entram nessa matemática, não computando qualquer consumo da sua franquia. Além disso, o cliente tem direito a todos esses benefícios:

  • Até 9 GB de internet;
  • Principais redes sociais sem descontar da franquia: WhatsApp, Facebook, Messenger, Twitter, Instagram e Telegram;
  • Ligações ilimitadas para qualquer operadora;
  • SMS ilimitados;
  • Banca de Jornais TIM;
  • Ebook Light by Skeelo;
  • TIM Segurança Digital Light.

Gostou? Então contrate-o neste link e venha para a TIM, a maior cobertura 4G do país.

TIM Black em qualquer versão

Os planos do TIM Black, em qualquer versão, entregam redes sociais liberadas a seus usuários. Além disso, entregam muitos outros benefícios, como até 34,5 GB de internet e roaming internacional (para usar o celular em qualquer lugar do mundo gratuitamente), nas suas opções mais robustas.

Quer conhecer todas as versões do TIM Black? Então, clique aqui e descubra tudo o que ele garante! Se já conhece, clique neste link e escolha o seu!

GARANTA AQUI UM PLANO QUE TENHA REDES SOCIAIS LIBERADAS

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente, pois você merece estar sempre bem informado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui