A pandemia do coronavírus fez com que a dinâmica de contato interpessoal fosse alterada radicalmente. Tanto o isolamento quanto o distanciamento social apartaram os abraços, os beijos e as reuniões festivas. Nesse contexto, uma alternativa que se popularizou foram os encontros a distância via internet. Por isso, preparamos uma lista de jogos para fazer em videochamada.

Não é porque você e seus amigos não estão presencialmente juntos que as brincadeiras precisam ser deixadas de lado. A elaboração desses encontros ganhou papel de destaque, sendo que inclusive a tarefa de organizar festas online ganhou papel de destaque recentemente. Assim, desafios tradicionais (inclusive impulsionados pelo consumo de bebidas alcoólicas) como Eu Nunca ou Stop foram reestruturados.

De tedioso, já basta ficar afastado de amigos e colegas durante longos períodos. Então, se você tem programada alguma reunião com seus parceiros, pode incrementá-la com ares de normalidade, além de, é claro, alegrá-la com risadas e competições sadias. Que, agora mais do que nunca, parecem nos fazer sentir falta dos pequenos detalhes bobos.

Leia mais: Qual o melhor app de música? Veja 5 opções interessantes!

QUER REDES SOCIAIS LIBERADAS PARA SEU CELULAR? AQUI NA TIM TEM!

Jogos para fazer em videochamada: confira nossa lista!

1. Karaokê

Em qualquer lista de jogos para fazer em videochamada, o bom e velho Karaokê estará presente. Sempre na moda, cantar e ouvir amigos cantando sempre foi um ótimo compromisso. Sobretudo, quando as risadas são um fato certo! 🎶E nessa loucuuura de dizer que não te queeero, vou negando as aparências e disfarçando as evidências!🎵

Algumas plataformas contribuem bastante, caso essa seja a intenção sua e de seus amigos. O Singsnap, por exemplo, possui opções com diversos gêneros musicais, inclusive com títulos em português. Porém, é na versão Premium que se pode acessar o acervo por completo.

Um fato legal é que ela permite que o usuário grave sua performance para compartilhá-la nas suas redes sociais. É claro que, nesse momento, tanto os bons desempenhos quanto os micos podem garantir uma boa publicação.

Além dele, há plataformas mais tradicionais que também permitem que o jogo se desenrole. O YouTube, clássico para músicas, conta com inúmeras faixas com letras (ou lyrics, uma nomenclatura tradicional por lá). Além disso, a palavra karaokê ao lado da pesquisa revela uma imensidão de opções preparadas para a brincadeira.

2. Eu Nunca! jogos para fazer em videochamada

Você já jogou Eu Nunca? Se a resposta for negativa, tudo bem, você não precisará pagar a prenda. Porém, quem já, sabe que a brincadeira é, além de interessante, quase impossível de ser deixada de lado depois de iniciada.

Basicamente, funciona assim: um determinado jogador diz algo que nunca tenha feito antes (de verdade). Então, se a frase fosse Eu nunca andei de jet ski, todos os outros jogadores que já tenham andado precisarão pagar a prenda. Por tradição, trata-se de uma dose de bebida alcóolica. Contudo, nada impede que seja convencionada alguma mais adequada para o público em questão.

Até aqui, parece uma brincadeira boba. Mas, quando jogadores mais ou menos rodados começam a se pronunciar, as respostas tendem a ser mais interessantes. Pense em um Eu nunca X, tal que X seja uma prática sexual. Essas frases geralmente motivam um pouco mais a brincadeira, tanto quanto o álcool e as descobertas.

Para que a brincadeira seja realmente legal, é preciso que os jogadores assumas suas respostas com base na realidade. Entre amigos, os fatos da vida pessoal de cada um até podem ser compartilhados, mas sempre revelam risadas e apontamentos dignos de uma reunião presencial. Vale a pena tentar!

3. Stop!

Quem nunca jogou Stop! não teve vida! E, aqui, o legal é que trata-se de um jogo para fazer em videochamadas, mas que pode ser repaginado para uma modalidade virtual.

O Stopots é provavelmente a plataforma mais famosa para a jogatina virtual, sendo que conta inclusive com uma versão em aplicativo. Nele, você e seus amigos podem criar salas para todo mundo conte com o mesmo ambiente. Além disso, você podem jogar anonimamente contra outros usuários, mas não teria o mesmo efeito.

Também conhecido como Adedanha ou Adedonha, o jogo conta com uma lista de classes que devem ser preenchidas com itens, sendo que todas as palavras em cada uma delas devem começar com a mesma letra. Se a letra for D, o cigarro seria Derby e a fruta seria Damasco, e seria bem difícil fugir dessas. Contudo, você podem estabelecer quais sejam, inclusive com conhecimentos compartilhados do grupo.

4. Uno jogos para fazer em videochamada

O baralho é outro elemento que nunca sai de moda. Por isso, ele também andou sendo repaginado para uma versão digital, facilitando a vida de quem se reúne virtualmente, porém não quer deixar de lado a brincadeira.

O Uno, um dos jogos mais tradicionais do gênero, com baralho próprio, conta agora com um aplicativo que permite que você e seus amigos joguem uns contra os outros mesmo a distância. E o melhor de tudo é que ele funciona realmente bem, sendo um destaque em termos de eficiência e interface intuitiva.

Download: Android e iOS

O jogo conta com uma dinâmica que precisa ser compreendida, porém seu baralho o torna bastante autoexplicativa. É possível inverter a ordem de jogo para a contramão, dar cartas para outros jogadores, mudar a naipe em questão, e, sobretudo, ter muita diversão. No app, é possível também jogar em duplas, o que é bem legal para grupos maiores.

5. Heads Up

Se a Ellen Degeneres indicar alguma coisa, pode ter certeza de que ela é de qualidade! Nesse sentido, o jogo Heads Up vem fazendo a cabeça dela e de seus convidados, garantindo muita risada e competição sadia, inclusive ao vivo.

Basicamente, trata-se daquele jogo em que os jogadores colam um papel na testa com o nome de um personagem escrito. Assim, outros jogadores respondem a perguntas feitas por quem tem o papel na testa para que ele possa descobrir de quem se trata. Agora, é possível segurar o celular na testa!

Um fato legal é que há outras categorias, sendo que não somente pessoas precisam ser reveladas. É possível, por exemplo, ter que descobrir uma língua, um dialeto, um animal, e por aí vai.

É bom, porém, que você considere (talvez) dois empecilhos. Primeiro, o de que é preciso ter um celular em mãos. Ou seja, não há como realizar a videochamada pelo celular, pois ele precisará aparecer na câmera. Logo, outro dispositivo precisará manter a reunião ativa. Depois, o jogo está em inglês (pelo menos até o momento). Então, é preciso entender o idioma.

GARANTA AQUI SUA MELHOR OPÇÃO DE INTERNET MÓVEL

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente, pois você merece estar sempre bem informado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui