Na era das redes sociais, sobram conteúdos dos mais variados formatos. Porém, as plataformas que mais parecem ter caído nas graças dos brasileiros são aquelas alimentadas com imagens e vídeos. Nesse sentido, a quantidade de álbuns privados e públicos com autorretratos é imensa, e grande parte deles é aprimorado pela luz de selfie, ou ring light, como pode ser chamada em alguns lugares.

O apetrecho é desconhecido de muita gente, entretanto pode ser adquirido com relativa facilidade. Sua oferta está presente na grande maioria dos marketplaces disponíveis na internet. E o seu valor inicia com preços bastante justos. Com menos de R$ 20 já é possível realizar a sua compra online.

Investir no acessório pode ser uma boa maneira de melhorar a iluminação em fotos e vídeos e registrar momentos com baixa exposição à luz. Além disso, a luz de selfie pode ser compatível tanto com a câmera frontal quanto com a traseira, embora sua destinação primeira seja justamente auxiliar a câmera frontal, dedicada às selfies.

Algumas especificações técnicas são importantes de serem observadas antes da compra. Nível de iluminação, alimentação energética e presilhas são algumas das que podem impactar na sua utilização. Um último aspecto é relacionado ao design, o que pode levar alguns usuários a escolher um modelo particular também por conta da sua apresentação visual.

Quer saber tudo o que é necessário para escolher a melhor luz de selfie para melhorar seus registros? Então, você veio ao lugar certo, pois vamos mostrar suas particularidades e os modelos que estão fazendo mais sucesso.

Leia mais: Qual o plano TIM mais barato para quem gosta de jogar no celular?

GARANTA AQUI SUA MELHOR OPÇÃO DE INTERNET MÓVEL

Luz de selfie: aprimore seus registros

A luz de selfie tem lá suas vantagens para incrementar fotografias e vídeos realizados pelo usuário de si mesmo. O periférico é particularmente um incremento maior para smartphones que não contam com flash na câmera frontal. Assim, é possível contornar essa ausência com um objeto simples do tipo clip.

O apetrecho é acoplado ao celular e fornece iluminação artificial para ambientes com pouca ou nenhuma luminosidade. Isso, pois conta com 36 lâmpadas LED dispostas circularmente, para uma distribuição da luz uniformemente no seu raio de alcance. Com a relação às lâmpadas, trata-se de pontos pequenos que lançam luz branca, ou fria.

O objeto conta com 3 níveis de luminosidade, sendo que o usuário pode ajustar aquele que melhor lhe convenha num determinado momento. Entre forte, média e fraca, essa intensidade permite que o usuário ajuste-o também para diferentes efeitos, a depender do cenário em que se encontre.

Sendo relativamente pequena, a luz de selfie permite uma mobilidade bastante interessante. Nesse sentido, é possível carregá-la numa bolsa ou necessaire sem que isso imponha nenhum desconforto ao usuário. Além disso, pode ser usado por cima da capinha do celular, o que também esclarece a facilidade do seu manuseio.

O único aspecto negativo do periférico é que é necessário deixar a câmera pronta para uso antes de encaixá-lo em seu smartphone. Isso acontece porque a superfície que toca na tela do celular é do tipo emborrachada para não riscar a tela. Desse modo, o touch screen do sipositivo acaba ficando levemente prejudicado, mas nada demais.

Modelos de luz de selfie que fazem sucesso

1. Luz de selfie recarregável

Nem toda a luz de selfie é recarregável. Algumas funcionam com pilha, e, nesse caso, é preciso estar atento para aquilo com que você deseja contar. O modelo abaixo é recarregável por USB, o que permite ao usuário carregá-lo com facilidade e, em tendo um smartphone Android, compartilhar o mesmo cabeamento.

luz de selfie recarregável

Segundo sua descrição, a carga da bateria dura em torno de 45 minutos de uso contínuo, o que lhe garante uma autonomia significativa.

Esse tipo de periférico pode ser encontrado por preços a partir de R$ 30, com alguma variação para mais ou para menos, a depender da loja onde foi comprado.

2. Luz de selfie universal emborrachada

No item abaixo, a principal diferença em relação ao primeiro modelo apresentado é o fato de que ele não tem o design metálico. À parte desse fato, nada muda. São 3 níveis de iluminação, bateria recarregável por USB e lâmpadas em LED brancas.

Luz de Selfie emborrachada

Apesar de ser mais barata, em torno de R$ 20, uma especificação técnica garante entre duas e quatro horas de uso contínuo a depender do nível de luminosidade. Assim, é possível gastar menos e ter maior autonomia energética.

3. Kits completos para iluminação

Se você quiser realmente investir numa luz de selfie que seja completa, o melhor que pode adquirir são os kits de iluminação. Neles, é possível contar com um tripé alto, outro pequeno para mesas ou superfícies mais altas, anéis que vão de luz fria a luz quente (amarela), e capas para transporte.

kits para iluminação

Os kits custam um pouco mais caro, começando em torno de R$ 200 e chegando a R$ 500 nos modelos mais completos. Esses são destinados a quem deseja fazer uso com constância, sendo ideais para youtubers ou profissionais que trabalhem com vídeos e imagens.

O que levar em consideração na hora de comprar

Tamanho do anel

O tamanho dos anéis é variável. Assim, é possível encontrar diâmetros que vão desde pequenos até os grandes. Por isso, se o seu smartphone tem a tela grande, pode ser melhor considerar uma das opções maiores.

Alimentação

A bateria é um aspecto fundamental. Por isso, esteja atento à autonomia do aparelho e à sua forma de alimentação. Alguns modelos contam com bateria recarregável por USB, o que facilita a vida do usuário. Porém, há modelos alimentados com pilhas, e, nesse caso, você dependerá da compra constante desse tipo de carga.

Variação de temperatura

Assim como lâmpadas de LED caseiras, é possível encontrar luz de selfie com iluminação fria ou quente. Ou seja, branca ou amarela. Essa alternância fica ao gosto do usuário, apesar de diversos modelos contarem com essa variação no seu próprio sistema.

Suas selfies vão para as redes? Então, planos com redes sociais liberadas são a melhor opção!

Se você está pensando em comprar uma luz de selfie porque vai alimentar suas redes sociais com imagens cada vez mais rebuscados, então vale a pena considerar planos de internet para celular que garantam redes sociais liberadas. Na TIM, há diversas opções, as quais podem ser contratadas desde a modalidade de Controle.

Desse modo, toda sua navegação em aplicativos como Facebook ou Instagram, as principais plataformas desse tipo de conteúdo, não irá descontar da sua franquia de internet. Isso garante que você tenha seus álbuns alimentados a todo momento sem que se preocupe com gasto de dados. Não tem nada melhor do que isso, não é?

Leia mais: TIM Internet: conheça as facilidades para quem ama ficar online

GARANTA AQUI SUA MELHOR OPÇÃO DE INTERNET MÓVEL

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente, pois você merece estar sempre bem informado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui