Você já é ou pensa em virar um youtuber? Se sim, vai descobrir nesse post qual o melhor plano de internet para garantir que você faça um bom trabalho!

Alguns anos atrás seria difícil imaginar que postar vídeos em rede social pudesse se tornar uma profissão de verdade. E mais: uma que fosse extremamente rentável para quem investe bem nela. Mas, a situação mudou de figura!

Atualmente, o consumo de conteúdo audiovisual se encontra em uma curva ascendente em todas as suas estatísticas. Fato que comprova essa afirmação é o de que o YouTube ultrapassou o Facebook no quesito rede social mais usada pelos brasileiros, segundo a We Are Social, em seu estudo chamado Digital In 2019.

Não é que não haja vídeos em outras plataformas – e o Tik Tok é o suprassumo dessa contestação –, mas a quantidade de vlogs (blogs em vídeo) que surgem a cada dia no YouTube é imensa. E, de fato, ela é a rede social preferida nesse sentido.

Isso faz com que você tenha um público imenso ali, só esperando pelo seu conteúdo. Porque o brasileiro gasta, em média, 3h45 por dia em redes sociais, são mais de 75% usando a internet todos os dias, e o YouTube é a rede social mais usada. Então, usando a matemática, podemos adiantar que é muita audiência.

O que você precisa considerar com precisão é o melhor plano de internet para ser um youtuber, pois a demanda de banda desse profissional não é baixa. Logo, a fibra ótica é a melhor alternativa, porém a ultravelocidade da TIM Live Internet Ultrafibra pode te levar a outro patamar!

GARANTA UM CELULAR COM REDES SOCIAIS ILIMITADAS AQUI

Melhor plano de internet para youtubers

Para ser um youtuber, você definitivamente precisará de muita internet. E essa é uma máxima, não tem como escapar dela.

Imagine que, sempre que você quiser descobrir uma nova forma de edição, terá que assistir a vídeos no YouTube. Ou, sempre que quiser pesquisar o que andam dizendo sobre temas paralelos, terá que assistir por lá. Ou, inclusive, assistir à concorrência para checar a qualidade dela.

Em resumo, estamos falando sobre uma conexão constante com uma das redes sociais que mais consomem dados de internet. Só pra se ter uma ideia, 15 minutos no YouTube podem consumir 550MB. Ou seja, mais de 2GB por hora. E, isso, sem contar os uploads dos seus vídeos, em alta qualidade e renderizados ao extremo.

Então, nem pensar em manter um canal somente com internet do seu celular.

À parte disso, vale dizer, o TIM Black garante internet móvel dedicada a aplicativos de vídeo, o que pode ser excelente para aqueles momentos em que você quiser fazer uma live de algum lugar especial, fora do seu cenário. Logo, uma fonte alternativa com muita franquia é sempre bem-vinda.

Porém, é mais comum que os youtubers criem um cenário, tenham uma rotina, sejam adeptos das suas postagens com uma constância cenográfica. Assim, a internet fixa é sempre mais prática, por estar fisicamente disponível, ter banda larga de qualidade e garantir que, ali, as lives sejam as melhores possíveis.

Por isso, o melhor plano de internet para youtubers é aquele com velocidade mais alta. Para gamers, que transmitem ao vivo suas jogatinas, um adicional são as bandas com baixa latência (ou ping), que é o tempo de resposta entre o envio do comando e o recebimento da resposta do servidor.

Melhor plano com altas velocidades

Nesse sentido, a TIM Live se mostra a melhor opção de plano de internet para youtubers e atuantes em redes de consumo audiovisual, em razão das altas velocidades e da entrega por fibra ótica.

Há ainda as ultravelocidades, que podem alcançar 2GB na modalidade TIM Live Ultrafibra (clique aqui). Essas, levam a fibra ótica até o modem (as bandas largas levam a fibra somente até o poste, geralmente, e depois a internet segue por outro tipo de cabeamento), e isso garante a maior estabilidade possível. E, talvez, a melhor internet do mercado.

Profissão youtuber

Para você ser um youtuber, é preciso seguir algumas dicas que podem ser encontradas como consenso em todos os manuais disponíveis.

  1. Fale sobre o que você gosta

Falando sobre o que você gosta, você terá muito mais facilidade para criar conteúdo. Além disso, se o nicho de mercado for familiar, você terá, também, maior disposição para criar conteúdo rotineiramente.

  1. Escolha um nicho de mercado

Apesar de ser contraintuitivo este tópico estar antes do primeiro, existe uma razão de ser: nem tudo o que você gosta terá audiência, e você pode saber isso de antemão.

Por isso, além de ser um tema com o qual você seja afim, escolha um que presumidamente terá público interessado.

  1. Publique com constância

Lembre-se de que os melhores canais da internet são aqueles em que as publicações são constantes, pois presume-se que o youtuber tenha assumido um compromisso com seu público. E há diversos exemplos que mostram que a audiência é bem fiel nessa plataforma.

Numa média, publicações semanais são o ritmo mais tradicional de quem quer ser visto, lembrado, e por aí vai.

  1. Capriche na capa dos vídeos

Sabe quando você olha uma capa de vídeo no YouTube e entra nele só pra que saiba se aquela capa condiz com o sentimento que ela cria em você? Isso acontece, e você não é o único “pescado”.

Até existe um nome para a capa: thumbnail. E, nela, vale a pena investir bem! Pois, você pode conferir: todas as aparições da interface inicial terão capas legais!

  1. Capriche na edição

A edição dos vídeos é outro tema superimportante. Vídeos com dinâmicas interessantes tendem a prender a audiência por mais tempo em frente ao vídeo, e esse é um dado interessante para as métricas do Google (dona do YouTube).

Isso acontece porque, quanto mais tempo de visualização, maior a chance de você começar a receber anúncios, tanto no início quanto no meio dos vídeos – e às vezes no fim, uma nova onda. Dindim: a monetização dos vídeos faz você ser recompensado por esses anúncios, e o Google paga em dó-la-res. Nada mal, não?

  1. YouTube combina com afiliados e influências

Outra forma de lucrar sendo youtuber é atuando com parceiros afiliados, em que você vende e anuncia produtos de terceiros.

Porém, pode ser que você simplesmente receba produtos para usá-los e anunciá-los nos seus vídeos (se eles bombarem). Influenciadores digitais recebem muitos produtos de grandes marcas para atuar dessa maneira. Trata-se de publicidade para marcas e uma fonte de produtos para quem produz conteúdo.

  1. Dê atenção a seu público

Uma excelente interação com o público dos youtubers acontece por meio dos comentários, em que você pode perceber o que está sendo desejado tanto quanto pode interagir diretamente com quem dá feedback. E todo feedback é válido.

Há quem diga – nas estratégias de marketing digital – que até os haters (quem te odeia e só quer criticar) devem ser bem-vindos no seu canal. E nas outras redes sociais também, diga-se.

haters que se tornam público fiel, e, ali, eles também contribuem com suas estatísticas, forçando a curva ascendente da monetização.

Não é legal receber por te odiarem, certo? Mas, tem gente que só quer avacalhar mesmo. E, contribuindo para a sua renda, “deixe que digam, que pensem, que falem. Deixa isso pra lá” e segue o Jair.

  1. Invista em equipamento

A qualidade dos seus vídeos pode resultar boa exclusivamente de bons equipamentos de gravação. Nesse sentido, o smartphone tem sido uma ferramenta e tanto, sobretudo com seus recentes e potentes conjuntos fotográficos.

Vale ressaltar que, se você está pensando em comprar um telefone novo, adquiri-lo com a contratação de um plano TIM na loja online pode garantir um bom desconto. Se você quiser economizar, clique neste link para descobrir as melhores ofertas.

QUER REDES SOCIAIS LIVRES? CONHEÇA O TIM BLACK AQUI!

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente para manter você sempre bem-informado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui