Num mundo de tecnologia que sobeja o cotidiano, cada vez mais estamos integrados à internet. Exemplos disso são as redes 5G, que a TIM já está testando, a Internet das Coisas e a difusão dispositivos eletrônicos em massa. Esse conjunto de fatores tem alavancado um nicho cada vez mais procurado: o das profissões home office.

Você já pensou que poderia fazer o que faz profissionalmente desde casa? Isso é possível para quem não precisa estar fisicamente numa empresa, claro. Mas, saiba, o rol de oportunidades nesse sentido tem sido ampliado pelo surgimento de novos ramos profissionais, oriundos da democratização tecnológica.

Atualmente, é possível gerir uma marca, uma franquia, ser assistente virtual, caçador de tendências e, muitas vezes, um próprio CEO no conforto do lar. Que deve ser moldado com requisitos mínimos de um ambiente profissional, logicamente, mas que é possível.

Então, conheça 10 profissões home office que você pode buscar para se inserir nesse mercado cada vez mais inovador, de pessoas que que optam por trabalhar de casa sem perder as vantagens financeiras de um trabalho tradicional.

GARANTA UM PLANO DE INTERNET À SUA ALTURA AQUI

Profissões home office

A lista abrange possibilidades diversas. Isso, pois, se você está procurando profissões home office, é preciso determinar, também, aquilo que você consegue fazer sem necessitar de formação extra.

Há oportunidades que somente migram de um escritório para a casa, tais como ser um assistente virtual. Tarefas administrativas são o carro-chefe do cargo, então não precisa ser nenhum PhD para se aventurar no ramo.

Há outras, porém, que podem demandar conhecimentos mais específicos, ainda que não versem sobre modelos tradicionais de educação. Esse é o caso, por exemplo, para ser atendente de desenvolvedoras de games. É preciso, então, ser efetivamente um gamer e conhecer jogos atuais para poder dar suporte ao consumidor necessitado.

Resumindo, há profissões e profissões home office, e elas precisam ser nichadas de acordo com o seu perfil. Esperamos, contudo, que você encontre um novo ramo profissional em que se aventurar!

À lista, candidatos!

  1. Assistente Virtual

Entre as profissões home office, a de assistente virtual é a com certeza a mais fácil de ser encontrada como disponível. Como basicamente qualquer empresa pode migrar para o atendimento digital, aqui está uma oportunidade que tem muita demanda de mercado.

Às vezes, na maioria delas, as tarefas são de ordem administrativa. Então, o profissional aqui é responsável pelas práticas tradicionais de secretaria, tais como atender telefone, anotar recado, organizar agenda e captar clientes.

  1. Agente de Viagens

Essa opção da nossa lista não surgiu com a democratização tecnológica, mas vem ganhando cada vez mais oportunidades entre as profissões home office.

Se você tem afeição com o tema, saiba que muitos agentes de viagem trabalham desde casa, de bermuda e chinelo. Isso, pois raramente o contato com o cliente passa da via telefônica.

É preciso, porém, ser disciplinado e estar sempre disponível, pois, nesse caso, em vez de o cliente ir até uma agência de turismo, ele telefona para o agente. Assim, o horário comercial precisa ser seguido à risca.

  1. Blogueiro

Essa deve ser a opção mais inovadora entre profissões home office recentes, mas tradicionalmente ela é ocupada por pessoas jovens e capazes de influenciar um grande número de pessoas no meio digital.

Para ser um blogueiro, é preciso ter uma comunidade grande de seguidores – e é indispensável ter uma – e ter um tema de atuação que seja atraente ao público. Há quem fale sobre ciência, tecnologia, moda, porém há também aqueles que se atêm a mercados mais tradicionais, como obra e marcenaria.

O essencial, aqui, é ter disponibilidade para produzir conteúdo com frequência e uma grande variedade de assuntos dentro dele. Depois, disso, você pode monetizar vídeos, receber anúncios nas suas páginas e, talvez, fechar contratos de mídia.

E aí, você tem algo para compartilhar com o mundo?

  1. E-commerce

As práticas de e-commerce surgiram com a popularização da internet, sobretudo da grande cobertura 4G que o país tem atualmente. Afinal, inclusive a terceira idade adora compras online. Porém, atuar nesse nicho pode ter diferentes oportunidades.

Primeiro, pode ser que você queira vender seus produtos, atuando tanto em plataformas de venda quanto tendo uma loja online própria. Depois, pode ser que você queira ter um comércio virtual no qual terceiros sejam ofertantes.

É possível ver que há sub-profissões home office nesse quesito, e algumas demandam maior investimento. Porém, ambas têm se mostrado altamente rentáveis nos tempos modernos.

  1. Professor

Aqui, profissões home office também se mostram uma oportunidade para aquilo que é mais tradicional: a docência.

É só entrar no YouTube e buscar por aulas de um determinado tema que você vai encontrar. Contudo, geralmente se tratam de aulas demonstrativas, que te levam até plataformas ou sites em que o professor realmente leciona. O EaD é o maior exemplo disso.

Exemplo claro dessa inovação é o TIM Ensina, no qual clientes podem aprender desde independência financeira até desenvolvimento de aplicativos por meio de uma plataforma. Nada impede que você esteja na lista de cursos ofertados pela TIM num futuro próximo, basta ter conteúdo.

  1. Produtor de conteúdo digital

Como há cada vez mais conteúdo na internet, há também um produtor que atua por trás de cada um deles. E esse é um nicho que não para de ofertar possibilidades dentro das melhores profissões home office.

Aqui, é preciso pesquisar (porque nem sempre se fala sobre aquilo de que se gosta), ter afinidade com a língua portuguesa na modalidade padrão (na maioria das vezes) e ter disciplina para cumprir prazos.

Porém, a recompensa é valorosa: receber por criar conteúdo na hora que quiser, vestido como quiser e, geralmente, com contatos mínimos com a empresa contratante.

Vale ressaltar, entretanto, que geralmente os contratos são por autônomos, em formato de MEI. Assim, não há muitas garantias trabalhistas, mas pode ser uma complementação de renda gratificante.

  1. Programador de jogos online

Eu sei, você sabe, todo mundo sabe: os jogos estão em alta. Como os celulares mais modernos são inclusive capazes de rodar gráficos excelentes, basta entrar numa loja de aplicativos para descobrir que há para todos os gostos.

Nesse sentido, há sempre quem os precise desenvolver, e essa programação tem sido extremamente bem recompensada. É preciso, porém, ter conhecimentos básicos de programação, mas que muitas vezes são alcançadas sem a necessidade de ir a uma universidade.

Ou seja: quem sabe você dá esse Play para chegar a um Fatality? [Referência old skool, só pra quem gosta de um Kombat!]

  1. Revisor de textos

Uma das profissões home office mais consolidadas do mercado, ser revisor de textos demanda conhecimentos avançados de língua portuguesa e, muitas vezes, de normas da ABNT. Isso, para o caso de produções que sejam acadêmicas.

Pagando relativamente bem, há bastante procura por esse tipo de serviço. Então, se você tiver condições de fazer uma revisão, não há por que não começar logo.

  1. Tradutor

Traduzir é uma arte, pois é preciso equilibrar-se entre o literal e o novo sem deixar a autoria se distanciar de quem assina o original. Então, para ser um tradutor, você precisa ter conhecimentos superavançados da segunda língua com a qual vai trabalhar.

Muitas vezes, a profissão é restrita a quem tem formação acadêmica. Porém, essa restrição vem cada vez mais sendo desfeita com a popularização da internet. Por isso, se você tem condições, talvez tenha uma graninha esperando por você aqui.

  1. Gestor de SEO

Você sabia que existe um mecanismo que gerencia um otimizador da engenharia de busca das maiores plataformas que existem? O Search Engine Optimization é a ferramenta que joga textos para cima e para baixo nos resultados de pesquisas orgânicas do Google.

A jogada aqui é a seguinte: quando você publica algo na internet, existem vários fatores que influenciam que o seu conteúdo apareça na primeira ou na última página de resultados. E esses fatores são gerenciados por quem trabalha com SEO.

Entre as profissões home office, esta impacta em outras diretamente, como em blogueiro, gestor de social media, gestor de redes sociais, produtor de conteúdo, etc., pois o alcance da produção estará diretamente ligado ao trabalho de quem atua nas sombras do que é produzido.

É preciso, por exemplo, selecionar palavras-chave para aparecerem em textos, descrições adequadas para imagens, campos semânticos correlacionados, tags. Então, há uma oportunidade a cada divulgação digital que é feita, caso elas almejem um lugar ao sol no Google.

Se você tem talento para pesquisa e deseja se inserir nesse mercado, saiba que ele só tem tendências ao crescimento.

GARANTA AQUI SUA MELHOR OPÇÃO DE INTERNET MÓVEL

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente, pois você merece estar sempre bem informado..

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui