No mundo moderno e tecnológico em que vivemos, cada vez mais contamos com ferramentas que facilitam a nossa vida. Nesse intento, as fintechs chegaram para aproximar os serviços bancários da comodidade de realizar tarefas na palma das mãos. Por esse motivo, muita gente tem se perguntado se o novo aplicativo de pagamentos do momento, o Recarga Pay, é seguro.

Se você ainda não ouviu falar dele, saiba que as facilidades que ele proporciona ao usuário são bastante interessantes. Primeiro, ele faz as vias de um banco, o que permite que a parcela da população sem conta bancária realize transações de maneira simples. E essa parcela é grande: mais de 50 milhões de brasileiros não têm conta em banco.

O Internet Banking pode até parecer simples, mas não é tanto assim para pelo menos um terço da população nacional adulta. E é justamente para esse nicho de mercado que se volta a tecnologia aliada ao sistema financeiro (financial + technology = fintechs). E o recurso vem fazendo sucesso.

O fato é que ele simplifica muitas transações que tradicionalmente são realizadas em banco e centraliza diversas praticidades num único aplicativo. Entre elas, pagar boletos, efetuar recargas de celular, contar com uma carteira digital (uma conta bancária, só que não em um banco), além de oferecer um cartão de plástico para pagamentos e um cartão virtual para transações na internet.

Neste post, preparamos algumas informações para que você dimensione se o Recarga Pay é seguro e tire suas próprias conclusões. Além disso, aqui você poderá entender o que ele é exatamente e tudo o que ele pode fazer por você!

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM COM OFERTAS PERFEITAS 

Leia mais: Veja dicas de como localizar celular perdido ou roubado!

O que é o Recarga Pay?

Como o próprio nome sugere, o Recarga Pay é uma fintech surgida com o intuito de prestar serviços de recarga de celular. A empresa não é nova, e sua fundação se deu ainda em 2009. Naquele momento, o carro-chefe da telefonia móvel ainda eram os telefones pré-pagos, e o serviço tornava desnecessário ir até um ponto de recarga para a compra de créditos.

O fato é que, mais de uma década depois, os planos Controle passaram a tomar muito desse espaço no país. Porém, neles o cliente acerta uma contratação de valor fixo mensal, tornando-o responsável, então, pelo pagamento de um boleto. No mesmo sentido vão os clientes pós-pagos.

Reformulado o seu portfólio, agora a empresa presta inúmeros outros serviços dentro de seu aplicativo, funcionando como uma carteira digital. Seu catálogo não é equivalente ao de um banco digital, mas boa parte das operações de Internet Banking podem ser realizadas por lá.

Serviços que o Recarga Pay oferece:

1. Recarga de celular

O carro-chefe do aplicativo ainda está disponível. Nele, você pode efetuar recargas no seu celular usando o saldo disponível na conta ou cadastrando um cartão de crédito.

2. Carteira Digital

Uma das grandes vantagens do Recarga Pay é a possibilidade de contar com uma carteira digital. É mais ou menos como ter uma conta em banco, porém sua dinâmica de funcionamento é um pouquinho diferente.

A partir do aplicativo, o cliente pode emitir um boleto para realizar o pagamento numa casa lotérica. Mas, o valor desse boleto entrará diretamente na carteira digital. Assim, o cliente conta com uma espécie de conta virtual na qual pode depositar dinheiro e, a partir dela, pode efetuar pagamentos.

Com o valor depositado, é possível pagar boletos, realizar transferências, efetuar recargas de crédito de celular e realizar pagamentos em geral.

3. Cartão pré-pago

É possível contar com um cartão pré-pago, pois o Recarga Pay disponibiliza um com a etiqueta MasterCard. Com ele, então, é possível pagar em estabelecimentos físicos, tais como lojas e supermercados, usando o dinheiro disponível na carteira digital.

Além disso, é possível usar um cartão virtual, dedicado às transações realizadas na internet.

4. Transferências entre carteiras digitais

Suponhamos que você queira enviar dinheiro para uma determinada pessoa. Com o Recarga Pay, é seguro que você não passará trabalho para fazê-lo. Isso porque basta que a outra pessoa também tenha uma carteira digital para que você realize uma transferência a partir do próprio aplicativo.

A compensação entre contas é praticamente instantânea. Então, se você estiver pagando a conta de um serviço, por exemplo, automaticamente a outra pessoa receberá uma notificação sobre a efetivação da transferência. Assim, torna-se desnecessário andar com muito dinheiro na carteira.

5. Pagamento de boleto

Uma facilidade interessante é a de efetuar o pagamento de boletos via aplicativo. Descontando diretamente da carteira digital ou do cartão de crédito cadastrado, o cliente passa a poder pagar suas contas sem sair de casa, simplesmente apontando a câmera do celular para o boleto.

Leia também: TIM Black Família: confira as vantagens desse pacote

Recarga de celular TIM

Se a sua pretensão é contar com o aplicativo Recarga Pay para efetuar recargas numa linha TIM, saiba que isso não é necessário. Isso pois a operadora oferece diversos canais oficiais para que seus clientes recarreguem seus telefones pré-pagos.

  • Aplicativo Meu TIM: recargas de telefone pré-pago podem ser realizadas diretamente pelo aplicativo da operadora, assim como o gerenciamento do seu saldo;
  • Site da TIM: a página da operadora conta com a entrada para recargas;
  • Recarga Express: o aplicativo da operadora, disponível para iOS e Android, permite realizar recarga de créditos com cartão de crédito;
  • a) Recarga Programada: o cliente pode programar o valor e o dia em que prefere receber sua recarga todo mês, sendo que ela é descontada na fatura do cartão de crédito;
  • b) Recarga Refil: o cliente decide o valor e a quantidade de saldo de que precisa, sendo que uma nova recarga automática acontece quando o saldo escolhido é alcançado. Nesse modelo, é possível estabelecer quantas recargas você quer receber no mês, fugindo dos imprevistos. Aqui, a cobrança também acontece no cartão de crédito;
  • Recarga via ligação: no *244 o cliente pode contratar recarga programada, recarga refil ou simplesmente inserir créditos na sua linha telefônica.

Enfim, o Recarga Pay é seguro?

Essa pergunta é difícil de responder de uma maneira objetiva. Logo, a melhor maneira de tentar conseguir uma resposta é avaliar aquilo que os outros usuários falam sobre seus serviços. Além disso, uma boa forma para dimensionar uma resposta é interpretar o quanto a empresa se preocupa com atender às reclamações realizadas em plataformas dedicadas, tais como o Reclame Aqui.

Na Play Store, o Recarga Pay já foi baixado mais de 10 milhões de vezes. A avaliação dos usuários por lá figura em ⭐4,1, o que representa uma boa média para um aplicativo que ainda está se consolidando no mercado. Na Apple Store, são ⭐4,6 e o posto de 38º da seção Finanças. Com relação aos comentários, há felizes e decepcionados, porém obviamente (dizem as ⭐) há mais felizes com a aplicação.

O Recarga Pay no Reclame Aqui conta com uma nota 7.5, o que, segundo o site, é avaliado como Bom. Apesar das mais de 9.000 reclamações, todas acabaram sendo respondidas pela empresa. Atualmente, em outubro de 2020, o índice de solução fica em 77,6%, sendo que 63,1% dos reclamantes voltariam a fazer negócio.

É claro que esse não é um atestado de que o Recarga Pay é seguro. Porém, com a publicidade que a internet garante a problemas individuais que alguém possa ter com uma empresa, esses dados pelo menos evidenciam que o serviço dá atenção a seus clientes. Além disso, que está preocupado em efetivamente solucionar suas pendências.

Quer experimentar o aplicativo?

Download: Android | iOS

Leia mais: Veja como mudar a senha do seu wifi em poucos minutos!

CONHEÇA AQUI OS MELHORES PLANOS DA TIM E SEJA MAIS

Se você gostou do nosso conteúdo, então acompanhe o Blog Mais TIM. Publicamos diariamente, pois você merece Mais!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui