Os avanços nas tecnologias de telefonia móvel são muitas e hoje em dia se atingiu um patamar da internet rápida na palma das suas mãos com o TIM 4.5G. 

Consulte todos os planos que a TIM disponibiliza para você e os seus pacotes de internet móvel acessando aqui

Atualmente a internet móvel se tornou uma necessidade para grande parte da população mundial e ter uma conexão de qualidade é essencial. 

Agora os smartphones são muito mais do que pequenos aparelhos que servem para realizar chamadas. 

Com eles e seus aplicativos é possível executar uma série de tarefas que facilitam muito o dia a dia das pessoas. Você consegue se imaginar sem o seu smartphone

Provavelmente não. Nos últimos 10 anos a tecnologia relacionada à internet nesses aparelhos tem evoluído muito, fazendo com que as pessoas se tornem cada vez mais dependentes. 

Seja para fazer chamadas de vídeo, seja para pedir um táxi, ouvir música, estudar, trabalhar ou pagar uma conta, uma boa conexão é imprescindível. 

Visto isso a TIM oferece aos seus clientes a melhor e mais moderna conexão existente nos dias de hoje, o 4.5G. 

Se você quer saber mais como isso funciona, acompanhe este artigo. 

TIM 4.5G representa a evolução

Atualmente a utilização de aplicativos facilita muito as ações realizadas por meio de um smartphone, mas isso nem sempre foi assim. 

Quando os serviços de telefonia móvel surgiram, até mesmo fazer uma chamada era algo ainda difícil. 

Mas com o tempo a busca por novas tecnologias resultou em transmissões de melhor qualidade, que possibilitaram inclusive incluir internet nos aparelhos. 

Desde então esse tipo de serviço passou por melhorias constantes, chegando ao TIM 4.5G, ou seja, LTE Advanced. 

Esse tipo de sinal passou a ser possível devido ao desligamento da televisão analógica no Brasil, que ocorreu recentemente. 

Com essas redes é possível obter um sinal até dez vezes mais veloz com relação à tecnologia 4G.

Como você deve supor, o G representa “geração”. Portanto atualmente utiliza-se a quarta geração da tecnologia de telefonia móvel. 

Então veja agora os seus antecessores: 

1G, a primeira geração

No comecinho da década de 1980 surgiu o 1G, a primeira geração da tecnologia que permitiria que os dispositivos móveis se conectassem mesmo sem terem fios. 

Por ser a primeira tecnologia a ser desenvolvida, sem dúvidas a qualidade dela era duvidosa e ela tinha vários problemas que impediam o seu funcionamento ideal. 

Com esse tipo de sinal, os equipamentos móveis sofriam com interferências constantes que atrapalhavam muito as ligações. 

Além disso os próprios aparelhos de celular não colaboravam muito por pesarem mais de 1 kg e terem baterias de curtíssima duração, que mal davam para fazer chamadas. 

Entretanto, mesmo com diversas falhas é inegável que essa tecnologia tenha contribuído muito para a revolução no sistema de comunicação de todo o mundo. 

Para fazer ligações para qualquer número do mundo, bastava possuir um dispositivo móvel. Isso era um grande avanço!

Então veio a segunda geração

A segunda geração de redes sem fio de telecomunicação, o 2G, permitiu que as ligações tivessem uma qualidade um pouco maior com relação ao 1G. 

Além disso o sinal deixou de ser analógico e passou a ser digital, possibilitando o surgimento das mensagens do tipo SMS (Short Messaging Service).

E com o tempo se tornou possível também fazer o download e sons e imagens apesar das limitações devido à velocidade baixa das conexões. 

Com o 2G, os dispositivos móveis se popularizaram devido em partes à redução de seu tamanho. 

O novo milênio trouxe a tecnologia 3G

Na verdade a utilização da terceira geração da rede para dispositivos móveis teve início no final da década de 1990. 

E então o novo milênio trouxe também novas possibilidades com esse tipo de conexão mais moderno. 

Foi somente graças à maior eficiência das redes que os aparelhos celulares convencionais puderam se transformar em smartphones versáteis e potentes. 

Foi diante desse cenário de evolução constante que no ano de 2007 a Apple anunciou o lançamento de seu primeiro smartphone, o iPhone. 

Então, em 2008 a Google faz o lançamento do Android, seu sistema operacional usado ainda nos dias atuais. 

Vale ressaltar que, se hoje temos celulares inteligente e redes TIM 4.5G, isso se deve à revolução que o 3G ocasionou, mudando a forma como as pessoas usavam esses dispositivos. 

4G, a chegada das conexões do futuro!

O 3G teve uma longa vida, mas a chegada do 4G veio para revolucionar ainda mais esse tipo de tecnologia e as conexões que as pessoas fazem diariamente. 

Com mais esse avanço, os pequenos aparelhos de celular, antes utilizados apenas para fazer chamadas, começaram a se transformar em máquinas potentes. 

Muitos deles inclusive funcionam melhor do que diversos aparelhos de computador. 

Leia também: Como escolher internet rápida para o celular?

TIM 4.5G

Apesar de o 4G ter trazido aos usuários das redes de telefonia móvel maior velocidade e liberdade de executar as suas tarefas, as pesquisas e evoluções não pararam. 

O mundo está em constante mudança e por isso são cada vez mais necessárias novas tecnologias que deem cada vez mais “vida” aos smartphones. 

Nesse sentido, após o desligamento permanente do sinal de televisão analógico no Brasil, surgiu o TIM 4.5G. 

Esse é mais um dos avanços ocorridos, em que o serviço é oferecido de maneira superior ao 4G, de forma que chegue a ser até 10 vezes mais rápido. 

Isso é possível porque o 4.5G combina até cinco faixas de transmissão, de modo que a largura da banda seja ampliada. 

Dessa forma é possível entregar mais dados de uma só vez, de modo que velocidades maiores sejam suportadas. 

Entretanto vale ressaltar que o TIM 4.5G ainda está sendo implantado no Brasil e por isso não está disponível em todos os locais. 

Quando isso acontece, automaticamente o equipamento passa a utilizar os sinais inferiores, o 3G ou 4G. 

Essa é mais uma evolução que possibilita que os telefones móveis se tornem cada vez mais inteligentes e versáteis. 

Com esse tipo de sinal super-rápido que o TIM 4.5G promete entregar, passa a ser possível executar até as tarefas que demandam maior eficiência da rede. 

Dessa forma você consegue assistir a filmes e séries, fazer downloads de arquivos pesados e até mesmo jogar aqueles jogos superpesados sem problemas. 

Com a TIM você pode aproveitar a melhor velocidade de conexão disponível atualmente de maneira automática e sem ter de pagar nem um centavo a mais pelo serviço.

Requisitos para aproveitar os benefícios do TIM 4.5G

Primeiramente para que seja possível usar a tecnologia TIM 4.5G é necessário que o seu aparelho seja compatível com conexões 4G. 

Além disso você precisa inserir um chip 4G da TIM, além de estar dentro da área de cobertura desse tipo de sinal. 

Lembrando que caso o TIM 4.5G não esteja disponível onde você estiver, automaticamente o seu equipamento será conectado a redes 4G ou 3G dependendo da disponibilidade. 

Por fim vale ressaltar que a conexão ao TIM 4.5G ocorre de maneira automática. Assim não é necessário realizar nenhum tipo de configuração previamente. 

Conclusão

Para que nos dias de hoje fosse possível realizar uma série de tarefas utilizando-se um smartphone, foi necessário que a tecnologia sofresse um grande processo de evolução para chegar ao TIM 4.5G. 

Então, durante os mais de 40 anos da telefonia móvel no Brasil, ocorreram mudanças de modo que a tecnologia disponível se tornasse cada vez melhor. 

Com a chegada do 3G, os serviços disponibilizados já eram muito melhores com relação aos seus antecessores, o 1G e o 2G. 

Mas as pessoas ainda precisavam de mais velocidade e qualidade, e assim surgiu o 4G. 

E posteriormente, com o desligamento do sinal de televisão analógico, foi possível iniciar a transmissão do TIM 4.5G. 

E com ele os brasileiros ganharam ainda mais velocidade e liberdade para utilizar a internet em seus dispositivos móveis. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui